Menopausa e seus efeitos na vida da mulher moderna
11 de janeiro de 2017
9 mitos e verdades sobre a infecção urinária
17 de janeiro de 2017

O ano começou e acho que para a maioria das pessoas uma das primeiras metas para 2017 é EMAGRECER. Devo confessar que, como já falei em outros posts, estou neste árduo processo de perder 5 kg, mas admito que o objetivo ainda não foi cumprido. A dra. Paula Pires, a endocrinologista que me acompanha, vai me matar quando ler o post. rsrs Bom, você já percebeu que muitas vezes comemos mesmo sem fome? O fato é que isso não pode acontecer, especialmente se você está querendo perder alguns quilinhos, então a minha médica selecionou as 10 situações mais comuns que atacamos a geladeira mesmo sem fome e, de quebra, ensina o que devemos fazer para driblar essa ansiedade e gula desnecessárias. Leia abaixo e veja se você se identifica com alguma das situações.

1 – Tristeza, felicidade, raiva e tantas outras emoções são grandes gatilhos para desencadear a “fome”. Se você celebra alguma conquista com comida ou acredita que o alimento vai confortar o seu coração machucado está na hora de mudar a estratégia. Evite beliscar sempre que tiver alguma emoção à tona. Tente trocar o doce ou salgado pela caminhada, dança, bate-papo com os amigos ou (por que não?) a terapia.

 

2 – Para muita gente, comer parece uma ótima solução quando não se tem mais nada para fazer! E como o tédio pode durar longas horas, tem gente que passa a tarde toda comendo apenas para não ficar sem fazer nada! Se este é o seu caso, arrume algo mais útil para preencher seus dias! Estude, leia, faça esportes e encontre amigos! Comer não será mais tão atraente se você tiver algo mais bacana para fazer!

 

3 – É muito fácil continuar comendo, mesmo quando já está satisfeito, se outras pessoas ao seu redor estão comendo! A situação é ainda pior se você não está prestando atenção nos alimentos que está beliscando. A dica aqui é parar de seguir o comportamento dos outros. Antes de comer, pare e pense se você realmente está com fome.

 

4 – Caixa de chocolate do colega de trabalho, bolo na casa da avó, salgadinhos e docinhos nas festas de aniversário. Quem sente dificuldade de recusar essas guloseimas e acaba comendo de gula ou só para ser educado? Neste caso, o jeito é aprender a dizer “não”, escovar os dentes logo após as refeições e somente deixar à vista comidas saudáveis, como frutas).

 

5 – Se você tem uma grande família ou trabalha em um grande escritório/empresa, todo dia será aniversário de alguém! E essas celebrações normalmente envolvem bolo, doces e álcool! Exatamente tudo que engorda muito! Você pode perfeitamente participar de celebrações sem ser o primeiro da fila do bolo, até porque lembre-se de que celebrações devem girar em torno de pessoas e não da comida! A dica para não exagerar é comer antes da festa ou comer sem exageros. Que tal dividir o pedaço de bolo com o amigo? Isso significa rachar as calorias e evitar engordar em dobro.

 

6 – Aquela fadiga do final do dia pode levar qualquer pessoa a ter uma compulsão por doces, porém esse inofensivo docinho pode levar a uma fome rebote ainda maior! Nesta situação, a dica que recorrer ao café, alimentos integrais ou ricos em proteínas, como uma torrada multigrãos com queijo branco. Se tiver sede, opte por água gelada e não suco ou refrigerante! Esse hábito te dará muito mais energia!

 

7 – Você sempre come às 16 horas porque o relógio te lembra que é hora de tomar o lanche? E janta ás 20 horas seguindo o mesmo raciocínio? Aproveite esses intervalos para verificar se realmente está com fome! Não coma apenas porque o relógio diz que já é hora de comer!

 

8 – Refil de refrigerante e buffet de comida à vontade não são bons negócios para a saúde. Evite comer apenas porque algo é de graça ou super barato. Sempre avalie o seu nível de fome!  

 

9 –      Muitas vezes é difícil falar “não” para aquela comida preparada com tanto carinho pelos pais e avós, não é mesmo? Se este é o seu caso, divida a porção generosa que eles costumam colocar no prato ou simplesmente disfarce que coma apenas o suficiente para matar a sua fome. Agora, se não estiver com fome, não coma.

 

10 – Muitos de nós crescemos ouvindo que há tantas pessoas passando fome no mundo, então não devemos desperdiçar a comida! Isso é verdade, então a dica é colocar no prato porções menores e guardar a sobra para a próxima refeição. Ninguém precisa comer até ficar com a barriga cheia apenas para evitar desperdícios! Se estiver em restaurantes, peça para embrulhar e leve para casa! Ou opção é pedir meia porção que, muitas vezes, já é o suficiente para saciar a fome

Crédito de foto: FreeImages

1 Comentário

  1. […] Saúde sem Neura: 10 dicas para você driblar a vontade de comer sem ter fome […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *